CFBio - Conselho Federal de Biologia
ÁREAS DE ATUAÇÃO SaúdePORTAL DOS BIÓLOGOSPORTAL DA SAÚDESelo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências BiológicasNormativas de Interesse dos BiólogosPerguntas Frequentes Universidades Públicas Links Úteis Sindicatos e Associações de BiólogosLAI

REDES SOCIAIS

Facebook Twitter Google Plus
Youtube Linkedin Instagram

TEMPO HOJE

BUSCA DE CEP

 

Correios

Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas

Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas





O Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas foi criado por meio da Resolução nº 352 em 5 de dezembro de 2014.

A primeira edição do Selo aconteceu no ano de 2015, quando foram agraciados onze cursos de Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas do País.

Na edição de 2017, dezoito cursos serão agraciados em solenidade que acontecerá no dia 15 de setembro, em Brasília.

EDIÇÃO 2017

Conheça os Cursos de Ciências Biológicas agraciados com o Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas - Edição 2017.

  • Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais - IFSEMG Campus Barbacena (LICENCIATURA) - curso MEC nº 1126887;
  • Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - PUC Minas Unidade BH Coração Eucarístico (BACHARELADO) - curso MEC nº 307490;
  • Universidade Católica de Brasília - UCB Brasília (BACHARELADO) - curso MEC nº 319057;
  • Universidade Comunitária da Região de Chapecó - UNOCHAPECÓ Campus Chapecó EFAPI (LICENCIATURA) - curso MEC nº 3848;
  • Universidade Estadual de Ponta Grossa - UEPG Unidade Sede (BACHARELADO) - curso MEC nº 60448;
  • Universidade Estadual do Maranhão - UEMA São Luís (LICENCIATURA) - curso MEC nº 81296;
  • Universidade Estadual do Rio Grande do Norte - UERN Campus Universitário Central (LICENCIATURA) - curso MEC nº 3574;
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP Campus de Rio Claro Instituto de Biociências (BACHARELADO) - curso MEC nº 303142;
  • Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP Campus de Rio Claro Instituto de Biociências (LICENCIATURA) - curso MEC nº 3142;
  • Universidade Federal da Bahia - UFBA Campus Federação Ondina (LICENCIATURA) - curso MEC nº 13283;
  • Universidade Federal de Campina Grande - UFCG Campus de Cajazeiras (LICENCIATURA) - curso MEC nº 1152882;
  • Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP Campus Diadema Unidade José Filho (BACHARELADO) - curso MEC nº 101219;
  • Universidade Federal do Amazonas - UFAM Unidade Sede (LICENCIATURA) - curso MEC nº 398;
  • Universidade FEEVALE - FEEVALE Sede (BACHARELADO) - curso MEC nº 58372;
  • Universidade Positivo - UP Campus Sede (BACHARELADO) - curso MEC nº 320326;
  • Universidade Presbiteriana Mackenzie - Mackenzie Campus São Paulo Consolação (LICENCIATURA) - curso MEC nº 2009
  • Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões - URI Campus de Erechim (LICENCIATURA) - curso MEC nº 8801;
  • Universidade Vila Velha - UVV Sede (BACHARELADO) - curso MEC nº 56141.


EDIÇÃO 2015


Conheça os Cursos de Ciências Biológicas agraciados com o Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas - Edição 2015.

  • * Faculdade Redentor - Bacharelado - curso MEC nº 54856
  • * Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - Bacharelado - curso MEC nº 307490
  • * Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais - Licenciatura - curso MEC nº 7490
  • * Universidade de Caxias do Sul - Bacharelado - curso MEC nº 301109
  • Universidade de Pernambuco - Bacharelado - curso MEC nº 45384
  • Universidade Estadual do Maranhão - Licenciatura - curso MEC nº 81296
  • Universidade Federal de Lavras - Bacharelado - curso MEC nº 63838
  • Universidade Feevale - Bacharelado - curso MEC nº 58372
  • Universidade Presbiteriana Mackenzie - Licenciatura - curso MEC nº 2009
  • Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões - Licenciatura - curso MEC nº 8801
  • * Universidade Vila Velha - Bacharelado - curso MEC nº 56141

As Instituições de Ensino Superior foram agraciadas após deliberação da Comissão CFBio de Cursos, responsável pela análise da documentação de mais de 80 cursos de Ciências Biológicas pré-selecionados para a edição de 2015. O resultado foi homologado na 298ª Sessão Plenária do CFBio. O troféu e o certificado foram entregues às IES agraciadas no dia 10 de setembro de 2015, durante o Fórum Nacional do Sistema CFBio/CRBios e Coordenadores de Cursos de Ciências Biológicas.


Leia mais
18 cursos são agraciados com o Selo CFBio de Qualidade na Edição de 2017. Confira!
CFBio inicia processo para concessão do Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas 2017
Conselho agracia cursos de Biologia com Selo CFBio de Qualidade
CFBio comemora sucesso do Fórum Nacional de Coordenadores de Cursos
Confira apresentação proferida no Fórum sobre formação acadêmica e a atuação do Biólogo 
CFBio realiza Fórum de Coordenadores de Cursos de Ciências Biológicas
Confira os cursos agraciados com o Selo CFBio de Qualidade
Conheça a Comissão de Avaliação para Outorga do Selo CFBio em 2015
Mais de 80 instituições foram pré-selecionadas ao Selo CFBio de Qualidade de Cursos
Atenção! Envio de documentos para o Selo CFBio de Qualidade vai até 25 de maio

Perguntas Frequentes


01. O que é o Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas?

R: Com o objetivo de contribuir para a formação profissional do Biólogo no País, o Conselho Federal de Biologia - CFBio criou um Selo para premiar e reconhecer os Cursos de Graduação em Ciências Biológicas que primam por sua qualidade. O Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas é concedido bienalmente e sua outorga é avaliada e deliberada pela Comissão CFBio de Cursos. Ao Selo CFBio estará sempre associado o ano de sua concessão.

02. Qual o papel do CFBio quanto à formação profissional do Biólogo?

R: O Conselho Federal de Biologia tem como um de seus objetivos contribuir para a valorização dos Cursos de Graduação em Ciências Biológicas do País, estimulando a exação no exercício da profissão e zelando pela formação e o bom conceito dos que a exercem. Deste modo, a formação profissional do Biólogo é acompanhada de perto pelo Sistema CFBio/CRBios e, embora todos os cursos oficiais cumpram a legislação do MEC, alguns se destacam por também seguirem as determinações do Sistema. Esses Cursos de excelência poderão ser distinguidos com a outorga do Selo, uma vez cumpridas as normas do certame.

03. Quando o Selo CFBio de Qualidade foi criado?

R: O Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas foi criado em 5 de dezembro de 2014 por meio da Resolução nº 352. A primeira edição do Selo aconteceu no ano de 2015, quando foram agraciados onze cursos de Licenciatura e Bacharelado em Ciências Biológicas do País. A próxima edição será em 2017, e todos os cursos serão considerados nas avaliações, inclusive os que já foram agraciados.

04. Quem são os membros da Comissão CFBio de Cursos?

R: Responsável pela avaliação dos cursos de Ciências Biológicas, a Comissão CFBio de Cursos é designada por meio de portaria para cada edição do Selo CFBio de Qualidade. Na edição de 2015 e na de 2017, a Comissão foi composta por cinco membros titulares e um suplente. Cinco membros Conselheiros do CFBio e, destes, pelo menos dois integrantes da Comissão de Formação e Aperfeiçoamento Profissional (CFAP/CFBio), e um Biólogo convidado, com experiência em formação superior.

05. Como se deu o processo de outorga do Selo em 2017?

R: 1 º O Conselho Federal de Biologia designou, por meio de Portaria, os membros da Comissão CFBio de Cursos. 2 º A Comissão pré-selecionou os cursos que atenderam os requisitos mínimos exigidos para participar do certame. Os departamentos dos cursos pré-selecionados foram comunicados por correspondência, com Aviso de Recebimento, cabendo a eles enviar sua documentação para avaliação. 3º Os cursos pré-selecionados, cuja documentação foi enviada dentro dos prazos estabelecidos no certame, foram avaliados partir dos indicadores: Projeto Pedagógico de Curso (PPC), Instrumentos de Avaliação do Curso/MEC e Atuação Profissional dos Egressos. 4º Os resultados finais foram encaminhados pela Comissão CFBio de Cursos ao Presidente do Conselho Federal de Biologia e, posteriormente, homologados em Sessão Plenária. 5º A divulgação se deu no mês de junho, no site do CFBio.

06. Quais foram os pré-requisitos para participar do certame na edição de 2017?

R: No processo de seleção para outorga do Selo CFBio de Qualidade na edição de 2015 foram levados em consideração somente os Cursos cuja denominação atende o art.1º, inciso I, da Lei nº 6.684/79, e que fossem reconhecidos pelo Ministério da Educação (MEC) ou pelo Conselho Estadual de Educação (CEE). O Curso precisava ter obtido 4 (como nota mínima) na última avaliação do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (ENADE), publicada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) em data que precede o processo para a outorga do Selo.

07. Que indicadores foram levados em conta na avaliação dos cursos em 2017?

R: Os indicadores de avaliação foram agrupados em três blocos: 1º Projeto Pedagógico de Curso (PPC) a) Objetivos do Curso: devem apresentar coerência com o perfil profissional do egresso e a estrutura curricular (peso 2 = 20 pontos); b) Perfil profissional do egresso: deve expressar suas competências (peso 2 = 20 pontos); c) Matriz Curricular: deve atender às Diretrizes Curriculares Nacionais, conforme Parecer CNE/CES nº 1.301/2000, Resolução CNE/CES nº 7/2002, CNE/CP 04/2009 e à legislação profissional do Biólogo e, em especial, a Resolução CFBio nº 300/2012 (peso 2 = 20 pontos); d) Matriz Curricular efetivamente cursada pelo egresso: deve desenvolver competências e habilidades de acordo com o perfil estabelecido e com a legislação profissional do Biólogo e, em especial, as Resoluções CFBio nº 227/2010 e nº 300/2012, permitindo o pleno exercício profissional (peso 2 = 20 pontos); e) Trabalho de Conclusão de Curso (TCC): deve estar regulamentado, considerando-se a carga horária prevista no Parecer CFBio nº 01/2010 ? GT Áreas de Atuação (10 pontos); f) Estágio Curricular Supervisionado: realizado na Instituição ou fora da mesma, deve estar regulamentado considerando-se a carga horária prevista no Parecer CFBio nº 01/2010 ? GT Áreas de Atuação (10 pontos); g) Programas Institucionais Especiais: devem estar diretamente relacionados a áreas do Curso de Ciências Biológicas (10 pontos); h) Projetos de Pesquisa e Extensão: devem estar diretamente relacionados a áreas do Curso de Ciências Biológicas (10 pontos); i) Coordenador do Curso de Ciências Biológicas: deve ser Bacharel ou Licenciado em Ciências Biológicas (Peso = 0,5; 10 pontos); j) Coordenador do Curso de Ciências Biológicas: deve ser registrado em CRBio (Peso = 0,5; 10 pontos); k) Professores do Curso de Ciências Biológicas: percentagem de biólogos acima de 50% (Peso = 0,5; 10 pontos); l) Professores do Curso de Ciências Biológicas: percentagem de biólogos registrados em CRBios acima de 50% (Peso = 0,5; 10 pontos); m) Titulação do Corpo Docente: acima de 50% de doutores (10 pontos); n) Regime de Trabalho: acima de 30%, em regime de 40 horas ou de Dedicação Exclusiva (10 pontos). 2º Instrumentos de Avaliação do Curso / MEC: a) Conceito Preliminar do Curso (CPC): nota acima de 4 (10 pontos); b) ENADE: nota acima de 4 (10 pontos) 3º Atuação Profissional dos Egressos: Egressos registrados em CRBios nos últimos dois anos: percentual de egressos acima de 50% (10 pontos). Egressos registrados em CRBios nos últimos dois anos: percentual de egressos acima de 25% (10 pontos).

08. Quantos pontos o Curso precisou atingir para ser agraciado com o Selo em 2017?

R: O número máximo a ser alcançado por Curso na edição de 2017 foi de 200 pontos, considerando-se os indicadores avaliativos utilizados. Foi outorgado o Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas aos cursos que obtiveram pontuação igual ou superior a 150 pontos.

09. O que significa o símbolo do Selo CFBio de Qualidade?

A imagem do Selo CFBio de Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas mostra um círculo na base, com os dizeres Selo CFBio em seu lado esquerdo. A partir do círculo, projeta-se para o alto uma folha estilizada. No lado superior direito, tem-se os dizeres Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas. As cores utilizadas nessa arte são o azul e o verde, puras ou em seus subtons. Na simbologia das formas, o círculo é considerado a perfeição, a união, a plenitude, a completude. A arte que exprime o conceito do Selo representa também o Sistema CFBio/CRBios, que ampara e dá suporte aos Biólogos, atuando de forma vigilante para que os cursos e a profissão se sintam sempre acolhidos e estimulados. Por isso, o texto “Selo CFBio” aparece na base do círculo, dando sustentação ao mesmo e aos seus significados agregados. As palavras “Qualidade de Cursos de Ciências Biológicas” aparecem no topo do círculo, significando o total dos cursos que buscam a distinção conferida pela outorga dessa premiação. A folha, ainda que estilizada, é um dos símbolos da felicidade e da prosperidade, representando o reino vegetal e, por extensão, a natureza. Sua posição, projetando-se a partir do círculo que a sustenta e adquirindo a forma de uma seta que aponta para o infinito, significa os cursos de Ciências Biológicas que se destacam do universo de todos os outros, ou seja, aqueles que se empenharam na busca pela excelência. A cor verde significa esperança, liberdade, saúde, vitalidade e natureza. Está associada ao crescimento, à renovação e à plenitude, assim como aos movimentos ecológicos e de preservação do meio ambiente. A cor azul estimula a criatividade e foi eleita como representante dos cursos de Biologia, podendo ser utilizada em todos os seus tons. Significa tranquilidade, serenidade, harmonia, simbolizando a água, o céu e o infinito. O degradê entre as cores azul e verde mostra a mescla entre os conceitos das duas cores, exatamente como os Biólogos e os Cursos de Ciências Biológicas fazem com seu conhecimento: harmonização entre os seres vivos, o ambiente, a ecologia, os cuidados com a preservação, a terra, a água, o ar.


Imprimir esta página